O Município

por CMCM — publicado 26/10/2015 14h20, última modificação 29/04/2016 09h55
Breve histórico

Cachoeiras de Macacu teve seus primeiros habitantes ainda no século XVII, com a instalação de um núcleo agrícola, por volta do ano de 1647. No entanto, o povoado foi elevado à categoria de vila, passando a ser chamado Vila Santo Antônio de Sá em 15 de maio de 1679. Data esta em que é comemorado o aniversário do município.

Em 1877, um decreto provincial transferiu a sede municipal, que passou a ter o nome da nova localização, o arraial Santana de Macacu – que em 1898 passaria a se chamar Santana de Japuíba. O Distrito de Subaio foi criado e anexado a Santana de Macacu através de decretos e leis estaduais nos séculos XVIII/ XIX, e foi também através de legislação estadual que criou-se, em 1894, o Distrito de Cachoeiras de Macacu.

O município passou muitas vezes por mudança de sede, bem como mudanças de nome das localidades ao logo dos anos. O atual nome, Cachoeiras de Macacu, foi designado em 1929, ano em que passou a ser considerado uma cidade. Sua divisão administrativa é composta de três distritos: Cachoeiras de Macacu (sede), Santana de Japuíba (2º Distrito) e Subaio (3º distrito).

Acredita-se que o nome Macacu esteja relacionado a ave macuco,  (Tinamus solitarius)  ou ainda ao macacu, árvore da família do pau brasil.

De acordo com o senso 2010 a população cachoeirense é de 54.273 habitantes. Atualmente, o município de Cachoeiras de Macacu é o 9º maior em extensão territorial do Estado do Rio de Janeiro, com 953,801 Km². A base da economia local ainda é a agricultura.

Apesar de ter uma considerável parte de seu território composto por serras, Cachoeiras de Macacu não faz parte da Região Serrana. O município compôs a Região das Baixadas Litorâneas, conforme a divisão das regiões de Governo do Estado do Rio de Janeiro dada pela Lei Estadual 1.227/87. E em 2013, com a publicação da Lei Complementar Estadual Nº 158/13, passou a integrar a Região Metropolitana do Estado.

Mais informações e dados estatísticos do município podem ser acessados no site do IBGE.